O Rei das Blue-Chips!

O Rei das Blue-Chips!
O objetivo deste blog é de mostrar opiniões sobre o mercado de ações no Brasil.

23/09/2012

Análise dos Fundamentos de BM&F Bovespa S.A. - BVMF3, até ITR 06/2012

Relatório de Análise de BM&F Bovespa S.A. Bolsa de Valores, Mercadorias e Futuros – BVMF3.


Elaborado em 09/2012, relativo às ITR e DFP até 06/2012.

42 páginas. Clique aqui para acessar

Contém análise das demais informações disponíveis até a data de elaboração do relatório (ITR,
comunicados, documentos arquivados pela empresa). Contém estimativas sobre a possível
lucratividade, distribuição de proventos; perspectivas. Vários gráficos, tabelas e cálculos
explicativos.

Tópicos do relatório:

1 - Entendendo xxxxxxxxxx
( xxxx = vide relatório)

2 - Análise dos dados dos segmentos e das demonstrações contábeis
Evolução dos xxxxxxxxxx
Evolução das xxxxxxxxxx
Potencial xxxxxxxxxxxxx se xxxxxxx

xxxxxx média unitária do xxxxxxx e ticket médio geral

xxxxxxxx médio geral unitário

xxxxxxxxxx concorrência à BVMF no Brasil? Bats xxxxxxx

Margens xxxxxxxxxx

Perfil do xxxxxxxx, xxxxxxxxx financeiro

O xxxxxxxxx xxxxxxxxx e o ágio pago xxxxxxxxxxx

Será que xxxxxxxxxx um teste de impairment xxxxxxxxxx?

O ágio e xxxx xxxxxxx do VPA da BVMF3

3 - xxxxxxxx yield e xxxxxxxx de xxxxx; xxxxx de recompra xxxxxxx

4 – Posição xxxxxxxx

5 - xxxxxxxx de xxxxxxxxx

5.1 - xxxxxx envolvendo xxxxxxx Mxxxxx / Fonte xxxxxx BVMF

5.2 - xxxxxxxxxxxxx movida por Naji xxxxxxxx xxxxxx

5.3 – Outros xxxxxxxxxxx

6 – Projeções de faturamento, lucro líquido e possíveis dividendos

Pressupostos dos cenários de projeções

Cenário 1
Cenário 2
Cenário 3
Cenário 4
valor presente líquido de xxxxx
Observações sobre os cenários

7 - Preço justo das ações segundo xxxxxxx

Observações sobre os preços justos

8 - Conclusões
-

21/09/2012

Atualizado: Relatório sobre os preços pagos por Mubadala para OGX, MMX, LLX, MPX, OSX, CCX

OGX, MMX, PORTX, LLX, OSX, MPX, AUX, IMX, REX.

ATUALIZADO EM 21/09/2012, com ajustes relativos à cisão de MPX para criação de CCX e desdobramento das ações de MPX.

Clique aqui para acessar.

Relatório de Análise sobre a Venda de 5,63% da Centennial Asset a Mubadala Development Company

9 páginas

Tópicos:

1 – O Press Release de 26/03/2012

2 – Interpretando o comunicado
Portanto, o objetivo deste relatório é determinar: qual o valor pago por Mubadala por cada empresa EBX listada em bolsa?

3 – A participação de CAMF nas empresas EBX

4 – A participação de Mubadala nas empresas X

4.1 – Participação por simples cálculo xxxxxxxx

4.2 – Cálculo da participação de Mubadala através da proporção do valor de mercado

5 – Conclusões

5.1 – O que xxxxxxx fará com os US$ 2 bi a serem pagos por Mubadala?



20/09/2012

A crise internacional e a incompetência do governo do PT

Excelente debate sobre a crise internacional e seus efeitos no Brasil. Os vídeos abaixo são do programa Canal Livre de 17/09/12.

Parte 1: http://youtu.be/MLCGYOfs0AM
Parte 2: http://youtu.be/1feJv2zuEbA

Na parte 1, fica evidente a safadeza e incompetência do governo Lula em não aproveitar os excelentes ventos de 2002 a 2007 para melhorar a economia. Fica patente que a imprensa comprada e o próprio governo jogam a culpa nos gastos com viagens internacionais para justificar o fraco desempenho da balança comercial, quando na verdade o grande vilão é a incapacidade do governo em incentivar o investimento. Já escrevi sobre esse assunto neste link

Parte 3: http://youtu.be/S6tpW9FKBXs

Parte4: http://youtu.be/0xR10jZJZ58

As partes 3 e 4, com o Mendonça de Barros, mostra que o governo safado joga a culpa no câmbio, que é reflexo da incompetência generalizada do governo e de setores da indústria. O câmbio é usado como bode expiatório pelas ineficiências do governo, principalmente corrupção e malversação das verbas públicas.
Interessante a divisão em "país de formigas", "pais de cigarras que trabalham" e "país de cigarras que não trabalham".
As parte 3 e 4 são as mais interessantes.

Parte 5: http://youtu.be/HYCvfYOR7Og
-


19/09/2012

Irresistíveis "shares" do Facebook - 3

Eu acho que o Facebook está se tornando mais interessante do que muita revista semanal por aí... E com muito menos propagandas. Facebook, cada vez mais mostrando que não é um simples livro de fotos.


13/09/2012

Análise dos fundamentos da economia em geral

Um Wicked World nos espera.
Muito boa a entrevista do Ricardo Amorim de 08/2012 divulgada em seu site, neste link.

Abaixo, alguns trechos interessantes (os grifos são meus). A previsão da última frase é impressionante!

----------

"Imagine um mundo onde os produtos são feitos nos Estados Unidos e consumidos na China. Parece impossível, mas é neste mundo que viveremos daqui a alguns anos. A China tornou-se o grande centro de produção global ao longo dos últimos 30 anos.


----------
Na terra do Tio Sam, quando o limite do cartão de crédito acabava, era só pedir um cartão novo e rolar a dívida do primeiro. Quando a carteira já não cabia mais no bolso de tantos cartões, havia sempre a alternativa de refinanciar a hipoteca da casa e liberar mais uma dinheirama para financiar a gastança. Com isso, o hábito de poupar foi abolido no país. A família americana média gastava mais do que ganhava, todo santo mês. Enquanto as cigarras americanas gastavam, as formigas chinesas poupavam. Desde 1962, o consumo em proporção do PIB despencou na China, passando de 72% para 36%.

O inverno chegou. É hora de as cigarras trabalharem e as formigas cantarem. A crise financeira minou a capacidade de consumo de americanos, europeus e japoneses. Os consumidores americanos viram mais de US$ 1 trilhão em crédito sumir.

-----------

Junto com o crédito, foram-se os empregos. Sem crédito, nem emprego, e endividados até o pescoço, os americanos foram forçados a apertar os cintos e voltar a poupar. Após a crise, a poupança das famílias americanas tem oscilado entre 4% e 6% da renda. Só há duas opções: mercados emergentes – preparem-se para uma invasão de produtos chineses por aqui – e os próprios consumidores chineses.


Por outro lado, sem a gastança dos americanos, as empresas sediadas nos Estados Unidos terão de vender seus produtos em outras bandas.

A opção natural será por mercados emergentes, onde o crédito, a renda e a demanda estão em franca expansão. Para que os Made in USA se tornem mais competitivos, o dólar terá de cair nos próximos anos, provavelmente muito. As oportunidades e riscos que esta gradual inversão de papéis entre Estados Unidos e China trarão para a economia brasileira são enormes

--------------

Com o crescimento do consumo chinês, o agronegócio brasileiro – cujo superávit comercial passou de US$ 10 bilhões para US$ 77 bilhões desde 2000 – será ainda mais importante. A China já é o maior consumidor mundial de metais e minérios e energia.

Enquanto isso, a concorrência para as empresas brasileiras em produtos e serviços sofisticados – nos quais os americanos são competitivos – ficará ainda mais acirrada.
Em meio a estas transformações, crises, como a atual crise europeia, eclodirão nas economias desenvolvidas, causando oscilações também muito significativas nos países emergentes, incluindo o Brasil.
Quanto à inflação, com o enfraquecimento da economia brasileira, ela deve continuar em queda e deve ficar abaixo da meta de 4,5% neste ano, como eu já alertava no final do ano passado, quando ela ainda estava em elevação.

---------------

O governo tem adotado várias medidas para combater a desaceleração da economia causada pelos efeitos globais da crise europeia.

Infelizmente, tais medidas ilustram bem os defeitos da economia brasileira. Somos o país do plano B. Falta o plano A. Não planejamos, nem temos um modelo de desenvolvimento.
Também na economia, somos o país do puxadinho, do combate à doença, ao invés da prevenção.
Já dizia Peter Drucker que a melhor maneira de prever o futuro é criá-lo. Nós não prevemos, não criamos, nem agimos. Apenas reagimos.

---------------

Reações favoráveis da maior parte da opinião pública a algumas medidas recentes mostram o quanto o capitalismo ainda tem de evoluir por aqui.


O melhor exemplo é o uso de bancos públicos para forçar bancos privados a reduzirem suas taxas de juros. Sou favorável ao máximo de competição possível em qualquer setor da economia.

Entretanto, não dá para esperar que um país com os mais altos níveis de juros básicos, tributação do sistema financeiro e alíquotas de depósitos compulsórios do mundo não tenha também as mais altas taxas de juros ao consumidor e às empresas. “Mas os bancos lucram demais.” Este argumento carrega uma contradição que nos condena ao fracasso. Vivemos em um sistema capitalista onde lucrar é pecado.

Com sua atuação onipresente, o Estado quebra um dos pilares do capitalismo: a livre iniciativa.

Casos de favorecimento a grupos, empresas e indivíduos pelo Estado – sem falar em uma cachoeira de corrupção – criaram a percepção de que, no capitalismo brasileiro, qualquer lucro é suspeito. Um histórico de lucros privados e prejuízos socializados distorceu ainda mais a percepção da sociedade em relação aos empresários e empreendedores.

Nos EUA, um empresário de sucesso desperta admiração, no Brasil, desconfiança. Somos um pássaro com vergonha de voar. Esta não é uma receita de desenvolvimento, mas de atraso.O Brasil tem de adotar políticas de 12 redistribuição de oportunidades e capacitação, que tornam não apenas os pobres, mas toda a sociedade mais rica. Políticas diretas de redistribuição de renda, na maioria das vezes, tornam os ricos e a sociedade permanentemente mais pobres, e os pobres apenas temporariamente mais ricos.

-----------------

As forças que impulsionaram a economia mundial na última década, possivelmente, continuarão ao longo desta, o que sustentará nosso processo de desenvolvimento, apesar de solavancos esporádicos, como o que ocorre este ano devido à crise europeia. Não devemos deixar a decepção de 2012 nublar as perspectivas do que esta década pode trazer. Se as tendências de crescimento econômico e cambiais dos últimos anos em todo mundo continuarem iguais, antes da Copa do Mundo nossa distribuição de renda será melhor do que a dos EUA. No final da década, seremos a terceira economia mundial, nossa renda per capita avançará mais 21 posições.

Um ano depois, em 2021, nossa renda per capita será maior do que a dos americanos".

Excelente vídeo sobre coisas do mercado

Com certeza vc vestirá a carapuça em alguns momentos desse vídeo. O Rei confessa que já vestiu a carapuça dos 1min e 20seg do vídeo, eheheheh.


http://youtu.be/KsNTPo_wLMk



12/09/2012

OGX e Chevron: farm-out?

Notícia deste link mostra que a Chevron está abarrotada de dinheiro em caixa, motivando rumores sobre possíveis aquisições.

Será que a Chevron irá comprar direitos de extração de petróleo (farm-in)? Se for isso, um possível vendedor poderia ser a OGX que assim faria o tão esperado farm-out, apesar da empresa negar essa possibilidade.

Segue trecho da notícia de 29/08/12 do WSJ:

"Caixa da Chevron gera rumores sobre aquisições

A Chevron Corp. está guardando o dinheiro que ganha com suas operações de petróleo e gás. Os investidores então se perguntam se a gigante da energia está se preparando para um aumento nos custos ou se vai usar os US$ 21 bilhões que tem em caixa para comprar uma concorrente.

O nível de caixa da companhia aumentou 60% nos últimos 12 meses. A Chevron está agora exibindo mais dinheiro no seu balanço do que qualquer outra empresa de petróleo com ações em bolsa — cerca de 18% mais que sua concorrente maior, a Exxon Mobil Corp. —, e mais que o valor de mercado da maioria das petrolíferas americanas. Mesmo que a Chevron usasse o dinheiro para pagar toda a sua dívida, ainda sobrariam US$ 11 bilhões.

A Chevron também pode ter pesadas despesas resultantes de processos contra ela no exterior. Um dos principais casos, relacionado a danos ambientais no Equador, tem uma multa de US$ 19,04 bilhões". (...).

-


A análise fundamentalista de ações em uma figura

Figura que resume bem o que é análise fundamentalista de ações. O objetivo é usar os balanços e demais informações sobre as empresas, seu mercado de atuação e contexto na economia, para enxergar o que está fora do alcance, no momento.

Irresistíveis "shares" do Facebook - 2

Esses três cartazes, que tirei  também lá do FB, são para o comentário do El Gnomo de Itapira, do post logo abaixo, neste link, eheheheh.












11/09/2012

Irresistíveis "shares" do Facebook

Facebook está mostrando que não é simplesmente um álbum de fotos. Começo a achar que vale mesmo aqueles US$ 38,00 por ação da OPA. Galera tá muito criativa por lá., olha só:



















10/09/2012

06/09/2012

Veja o motivo pelo qual AMBV4 é uma das ações mais valorizadas

Excelente incentivo para
cumprimento de metas!
Olha só o trecho da notícia deste link:

"04 de Setembro de 2012
TST - Garotas de programa contratadas por gerentes da Ambev geram dano moral

A Companhia de Bebidas das Américas (Ambev) terá de indenizar um funcionário em danos morais por constrangê-lo a
comparecer a reuniões matinais nas quais estavam presentes garotas de programa, e por submetê-lo a situações vexatórias com o objetivo de alavancar o cumprimento de metas. Recurso da empresa foi analisado pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST) depois que o Tribunal Regional do Trabalho da 9ª Região (PR) determinou o pagamento de indenização no valor de R$ 50 mil em razão do assédio moral decorrente de constrangimento.

A Quinta Turma do TST não conheceu do recurso, e não chegou, portanto, a julgá-lo. Assim, a decisão que condenou a Ambev em R$ 50 mil foi mantida. Segundo relatos de testemunhas, um dos gerentes de vendas tinha costume de se dirigir aos empregados de forma desrespeitosa, valendo-se de palavrões. O mesmo gerente era responsável pela presença de garotas de programa em reuniões, que apareciam nos encontros a seu convite
. (...).

O autor, casado e evangélico, descreve na reclamação trabalhista que chegou a ser amarrado e obrigado a assistir filmes pornôs, e houve situação na qual uma stripper foi levada à sua sala para se despir. Também relata que os vendedores eram obrigados a participar de festas em chácaras, com a presença de garotas de programa utilizadas como forma de incentivo para o aumento de vendas. Afirmou que havia os funcionários que batiam as cotas de venda recebiam vales garota de programa. (...)".

----
É só olhar o gráfico de AMBV4 e também o gráfico de seus lucros, que só sobem, para perceber que não é uma má-idéia da Ambev.

Rei é Rei!
-

05/09/2012

Filosofia de mesa de buteco sobre o mercado de ações

Facebook também é cultura. Profundas reflexões divulgadas por todos. "Facebook e vc, tudo a ver",  : )
Será que foi por isso que as ações do FB foram precificadas, na OPA, inicialmente em cerca de US$ 104 Bi ?

"Nosso cérebro tem a tendencia natural pela busca da ordem, do padrão e da organização. Por isso a bagunça gera stress, por isso o mercado é contra intuitivo. Somos nós quem damos significados as coisas, baseado na experiencia do dia. Assim como damos por certo que o sol nascerá amanha só por que nasceu ontem . Mas o que nos garante isso? Nada ! No início, cada vez que uma operação nos frustra é como se nosso mundo fosse torto, fossemos burros, incapazes. Isso só acontece por que temos a tendencia de achar que o mercado deve reproduzir a vida, a ordem, a coerência. Mas ele não é assim. Boa sorte a todos".

 
O comentário going deeper through the Universe:

"Muito mais que isso, é muito provável que o universo todo seja caótico e a ordem e coerência que ele aparenta sejam produtos dos nossos cérebros apenas. A ordem talvez resida apenas na visão que o cerebro constrói do universo e não nele em ...
si. O cerebro sim é uma máquina biológica construída de forma a buscar ordem,coerência, significado. Não é a toa que facilmente ¨descobrimos¨ formas em nuvens em manchas em qualquer coisa em que fixemos atenção. Os gráficos são como essas nuvens. É muito fácil imputar-lhes um pretenso significado".

-